UM DESABAFO DA JORNALISTA JAQUELINE BALTOKOSKI DE MENESES HOJE INTEGRANTE DO ELO SOCIAL


O que me motivou obstinadamente a escolher pelo curso de Jornalismo há quase 20 anos foi a minha paixão pela escrita, foi o pulsar do coração na ponta dos dedos.

Em nenhum momento ambicionei trabalhar em veículos de comunicação das "grandes" Redes, para mim nunca fez sentido.


Inclusive, durante o percurso de "deformação", pessoas amorosas me falaram carinhosamente: "Jaqueline, esse 'mundo da mídia' é muito sujo, não serve para você que é mais sensível e inclinada a ajudar as pessoas... Mude para Fisioterapia, Educação Física... ou outras áreas que o ambiente facilitem para que você possa manifestar a sua essência...".


E adivinhem? Capaz, eu, na minha ilusão, saindo da adolescência, estufei o peito e disse que a minha boa vontade e fé seriam suficientes para que as coisas fossem diferentes.

Bom, o processo de maturação se apresentou no meio do caminho, e, claro, muita coisa caiu por terra, literalmente.


Trabalhei muito pouco em veículos de comunicação, e, no percurso fui abençoada, eu diria, resgatada. Recebi um convite pra ser Assessora de Comunicação de uma entidade que trabalhava com a classe dos trabalhadores, foram 9 anos de alegria e sentimento de paz, onde eu realizava meu trabalho, exercia meus talentos, podendo colocar a cabeça no travesseiro tranquila de saber que eu não estava assinando meu nome e registro profissional para corroborar com o engodo ou sujeiras maiores na alienação da nacão brasileira.


Respeito a todos os colegas que tomam por escolha fazerem esses papéis junto a máfia e redes de manipulação da mídia.


Amo com todo meu Ser a Comunicação, a qual nós somos esse veículo, que é tema de abordagem do Método que desenvolvi: Essencial Komunicar - o salto do golfinho, no intuito de auxiliar o máximo de pessoas possíveis a lembrarem de quem realmente são e comunicarem isso a si mesmas e ao mundo, com leveza e Presença.


Ao ver o vídeo do link: https://www.youtube.com/watch?v=UGl3LECEnb8 só posso manifestar: Que dura lição essas almas escolheram para aprender. Como podemos auxiliá-los a ressignificar tudo isso?

Jornalista Jaqueline Baltokoski de Meneses MTB0008815/PR


152 visualizações

Diretoria de implantação de projeto: Endereço: Rua Cecília Bonilha 145

Instituição responsável: Confederação do Elo Social do Brasil

São Paulo (Capital) - Telefone: +55 (11) 3991-9919

"Movimento Passando o Brasil a Limpo".

© 2019 - Todos os Direitos Reservados